Novo Volkswagen e-Golf com maior autonomia

|0 comentários
No que diz respeito à determinação da autonomia dos eléctricos já percebi que os números da EPA americana conseguem ser muito mais realistas que os Europeus pelo NEDC - e o novo Volkswagen e-Golf acabou de ser testado.
Este novo modelo recebe uma bateria com maior capacidade (de 24.2 para 35.8 kWh) e um novo motor eléctrico que desenvolve 134 cavalos (mais 19 que antes) e 290 Nm de binário (mais 20 Nm que antes) - tudo somado,e segundo a Environmental Protection Agency, o novo e-Golf tem uma autonomia entre 83 e 125 milhas, ou seja, 134 a 201 quilómetros.

Renault Captur - restyle em Genebra

|0 comentários
O Renault Captur já cá anda desde 2013 e a concorrência esta cada vez mais apertada, dai que depois de atualizar o Clio a Renault anunciou que vai levar ao salão de Genebra uma versão atualizada do pequeno SUV - a Renault promete um Captur com um design mais distinto e novas tecnologias.
Não há imagens ou mais detalhes, mas devera ser a mesma frente do Kaptur que a Renault vende na Rússia - um Dacia Duster com um design do Captur mas a assinatura luminosa em C que já conhecemos da atual gama Renault. Relativamente às novas tecnologias devem ser as mesmas estreadas no restyle do Clio: ajuda ao estacionamento semi-autónoma e um novo sistema audio Bose.

Irá partilhar o expositor de Genebra com a versão Stepway do Dacia Logan MCV, o novo Alpine e uma "novidade eléctrica" da qual nada se sabe. Ainda.

Dodge Viper terminara no verão 2017

|0 comentários
Foi o seu designer que o anunciou - segundo Ralph Gilles o atual Dodge Viper terminará a 31 de Agosto 2017.
Ao fim de 5 anos a 3ª geração do Dodge Viper chega ao fim, não serão aceites mais encomendas apartir do fim de Agosto e o ultimo modelo deverá sair das linhas no inicio de 2018. Sentiremos a sua falta.

Videos do novo Alfa Romeo Stelvio - muitos

|0 comentários
Se sonha com o novo Alfa Romeo Stelvio e tem algum tempo para gastar aqui ficam vários vídeos oficiais. Disse "vários"? Muitos é a palavra mais acertada...

Motor Opel 2.0 CDTI diesel - fiabilidade problemática

|0 comentários
Fiquei bastante surpreendido quando os comentários começaram a cair num post relativo a uma recolha do Opel Insignia. Todos os leitores queixavam-se de problemas sérios com este modelo equipado com o motor diesel de 4 cilindros 2 litros CDTI, também presente noutros modelos passados e atuais. Cheguei a contactar a Opel para uma resposta mas pouco ou nada disseram - nos entretantos as reclamações continuaram a cair.
Resolvi então tentar contactar o maior número de mecânicos possível e tentar chegar ao fundo da questão. Tentei, sem sucesso, falar com mecânicos da Opel mas estes recusaram comentar. Abordei o maior número possível de mecânicos que disseram ter experiência com este motor e curiosamente quase todos diziam a mesma coisa.

Segundo estes foi um motor desenhado para um binário elevado mas não o reforçaram corretamente obrigando a uma manutenção cuidada regular por um mecânico familiarizado com este motor e ao mínimo soluço ir logo à oficina. Ao invés de reforçar o motor, transferiram isso para a manutenção que inclui mudança de bronzes que se desgastam rapidamente (que podem levar a partir o motor) e outras operações.

Na grande parte dos motores diesel além dos injetores nos cilindros há mais um no catalisador do escape para injectar combustível e subir a temperatura para regenerar o catalisador. Nos Opel com este motor não é assim - quando é preciso regenerar o catalisador injetam combustível a mais nos cilindros que não é queimado nos cilindros mas sim no catalisador. O problema é que vários mecânicos indicaram que essa injeção excessiva leva em determinadas situações à mistura de combustível com o óleo causando danos ao motor. Quase todos os mecânicos que contactei disseram ter desligado este sistema via reprogramação.

Outra questão também regularmente referida é que as condutas de água nas borboletas da admissão, que desviam água que pode entrar na admissão de ar, degradam-se permitindo a entrada de água no motor.

Infelizmente parece que algures no design do motor, os contabilistas meteram o nariz (e isso nunca acaba bem), e quando algo corre mal não há grande coisa que se possa fazer. É um motor que precisa de manutenção muito cuidada e deslizes saem caros. A construção pode ser alemã, mas a contabilidade é americana...

Hyundai i30 SW apresentada

|0 comentários
Depois da apresentação ao público do novo Hyundai i30 no ultimo salão de Paris a versão carrinha vai agora a caminho do salão de Genebra.

E tal como a versão 5 portas clássica o design é bastante consensual com linhas mais marcadas, uma grelha "muito Audi" e faróis traseiros em 2 partes mas principalmente mais 25 centímetros de comprimento relativamente à versão hatchback (total de 4,59 metros de comprimento) - o que permite uma mala de 602 litros ou 1.650 litros rebatendo os bancos (um pouco mais que a geração anterior).



Debaixo do capot temos os mesmos motores do compacto - o novo 3 cilindros turbo de 1 litro com 120 cavalos, o 4 cilindros turbo de 1,4 litros com 140 cavalos e o 4 cilindros turbo-diesel de 1.6 litros 1.6 CRDi com 110 cavalos (para já - mas adiante vai também ter uma versão com 95 e 136 cavalos). A tração é dianteira via uma caixa manual de 6 velocidades ou dupla embraiagem de 7 velocidades.
O comportamento promete, tendo sido acertado nas instalações do Nürburgring, ao lado do i30 N que deverá chegar na segunda metade do ano.


Relativamente ao equipamento recebe sistemas como cruise control activo e travagem de emergência autónoma, mas pode acrescentar desde Lane Keeping Assist, faróis 100% de LEDs, carregamento de telemóveis sem fios, câmara de marcha-atrás e muito mais.

Audi: 4 marcas, 4 anéis

|0 comentários
Se no Senhor dos Anéis era "um anel para os dominar a todos", no caso da Audi foi um anel para cada marca que esteve na sua origem.

Fiat 124 Spider versus Mazda MX-5 - vídeo

|0 comentários
Uma escolha difícil - o Mazda MX-5 ou o Fiat 124 Spider que é baseado no MX-5? Afinal o 124 Spider tem um motor mais pequeno turbo (bom para impostos) mais potente, mas o MX-5 é mais leve, (ligeiramente) mais curto, o motor atmosférico é mais divertido e pode ter um diferencial auto-blocante...escolhas, escolhas...

McLaren P1 GTR versus McLaren 675 LT - vídeo

|0 comentários
Um embate de extremos - de um lado o mais extremo dos McLaren Sport Series para a estrada (o 675 LT) frente ao mais extremo hipercarro da mesma marca mas apenas para pista.

Anúncios Toyota C-HR - made in Japan

|0 comentários
Os anúncios ao novo Toyota C-HR já passam na televisão portuguesa, particularmente em alguns canais de cabo, mas encontrei estes anúncios que passam no Japão e que sinceramente são muito mais giros! No ultimo temos o Toyota C-HR no Street Fighter II ao som de "Keep Yourself Alive" dos Queen...FIXE!

Fiabilidade Toyota Proace e Proace Verso

|0 comentários
As Toyota Proace e Proace Verso estão a ser recolhidas por vários potenciais problemas.
As Toyota Proace (EC-type: e2*2007/46*0538*01, e2*2007/46*0538*03) e as Toyota Proace Verso (EC-type: e2*2007/46*0537*01, e2*2007/46*0537*02) produzidas em 2016 estão a ser recolhidas por potencialmente: - Instalação incorreta de um selante no tampão de gasolina pode levar a fuga de combustível; - aperto incorreto na suspensão dianteira pode comprometer o comportamento do veiculo; - o ponto de ligação do cabo de terra da unidade de controlo do airbag pode estar incorrectamente apertada podendo causar a mau funcionamento do airbag; - os parafusos que suportam a válvula da direcção assistida podem estar incorrectamente apertados ou ausentes; - aperto incorreto de uma das porcas de fixação do pedal de travão pode levar a perda de assistência à travagem; - água pode entrar na cabina e atingir o modulo do airbag podendo activá-lo inopinadamente; - parafusos de rodas mal apertados podem levar a uma roda soltar-se em movimento;

[update videos]Novo Honda Civic 5 portas apresentado

|0 comentários
Enfim apresentado a versão 5 portas do novo Honda Civic que vamos ter aqui na Europa - para ser exacto, a única que vamos ter na Europa já que o Coupe e versão 4 portas não vão chegar cá. As imagens são da versão americana de 5 portas que tem faróis dianteiros ligeiramente diferentes.
E tal como esperado, relativamente ao prototipo que a Honda levou a Genebra do Civic 5 portas esta versão de série perdeu apenas a cor verde (que é um opcional nos EUA) e a ponteira do escape mudou para o meio do para-choques traseiro. Ah, e tiraram a placa que dizia "Prototipo"...


Debaixo do capot vai estar a diesel o 4 cilindros de 1.6 litros i-DTec de 120 cavalos(com caixa manual de 6 velocidades ou automática de 9 velocidades), a gasolina o 4 cilindros de 1.5 litros turbo de 174 cavalos e mais adiante um novo 1 litro de 3 cilindros de 128 cavalos (ambos disponíveis com Caixa manual de 6 velocidades ou CVT com 7 seleções). E sim, vai haver uma versão Type R que a Honda assegura não vai demorar tanto a chegar como a geração atual.

E sendo um Honda performance é importante - segundo a Honda o chassis é mais leve (-16 quilos), mais rígido (+52%), o centro de gravidade mais baixo e tem uma nova suspensão traseira independente multi-link. É mais baixo - 35 milímetros mais perto do chão e tejadilho 20 milímetros mais baixo, mas o espaço interior aumentou graças a maior distancia entre eixos em 13 centímetros e 30 milímetros mais largo. A mala ganha 1 litro (478 no total) e a chapeleira abre de lado...por que não?

No interior o conjunto de instrumentos do condutor é agora digital e recebe um sistema multimédia compatível com Apple CarPlay e Android Auto. 

update 22-02-2017

[update videos]Novos Smart Fortwo e Forfour Electric Drive apresentados

|1 comentários
No mesmo local e 2 anos exatamente depois da apresentação da nova geração Smart temos a apresentação da variante elétrica: estes são os novos Smart Electric Drive.

Os automóveis elétricos fazem todo o sentido dentro da cidade, e citadino de excepção como o Smart sempre teve uma variante elétrica “Electric Drive” que regressa agora a Paris nos Fortwo (Coupe e Cabriolet) bem como nos Forfour - mas apenas a carroçaria muda porque a mecânica é exatamente a mesma: recebe um motor elétrico de origem Renault com 60kW/81 cavalos (anterior geração tinha 55 kW) alimentado por uma bateria de litio de 17,6 kWh.



A Smart anuncia uma autonomia de 160 quilómetros (geração anterior 145 quilómetros) mas esta foi determinada pelo NEDC logo um pouco otimista e demora 6 horas a carregar na tomada de 220 volts lá de casa ou 45 minutos com a box de 22kW opcional.
update 22-02-2017

Range Rover Velar a caminho de Genebra

|0 comentários
Está confirmado que a marca inglesa vai levar a Genebra um modelo para preencher o fosso entre o Evoque e o Range Sport - o Range Rover Velar.

Claramente um rival dos BMW X4 ou Mercedes GLC Coupé, a marca apenas publicou um "amuse-bouche" - uma imagem da traseira com um longo tejadilho de vidro que dá uma boa visão de um enorme ecrã táctil no centro do tablier e um perfil inclinado atrás que termina num pequeno aileron.

Baseado na mecânica do Jaguar F-Pace, aproveita a construção em alumínio para reduzir o peso e terá motores de 4 cilindros em linha e 6 cilindros em V, e deverá ser mais adaptado à estrada do que propriamente à lama.

Numa tentativa de ligar um modelo "mais dinâmico" à historia da marca deram-lhe o nome Velar. Quando a marca começou a testar em estrada o primeiro Range Rover em 1969 ao invés de usarem as camuflagens que hoje nos habituamos, eles simplesmente colocaram o nome Velar como marca para despistar os curiosos.


Dacia Logan MCV Stepway a caminho

|0 comentários
Até agora sem uma versão crossover o Dacia Logan MCV recebe agora o modelo Stepway - tendo em conta o sucesso do Sandero Stepway, vem um pouco tarde.

Além do recente restyling, o Logan MCV recebe o tratamento Stepway - barras de tejadilho, alargadores dos para-lamas em preto, proteção de carroçaria em cor alumínio e suspensão elevada em 50 centímetros. 



Esta versão irá ser apresentada em Genebra antes de fazer companhia aos Dacia Sandero e Lodgy Stepway nos concessionários.

[update video]Opel Ampera-e no Salão automóvel de Paris

|0 comentários
A versão Opel do Chevrolet Bolt vai estar no Salão de Paris. Tirando a grelha dianteira é basicamente o mesmo carro: um automóvel feito de raiz para ser elétrico, uma autonomia (anunciada) de 320 quilómetros, com 204 cavalos de potência e 360 Nm de binário máximo disponíveis desde o momento em que esmaga o acelerador - ver vídeo abaixo para mais detalhes.
A bateria está localizada no fundo do carro, tal como no Tesla Model S, permitindo cinco lugares confortáveis e bagageira comparável com à de um modelo compacto. Terei hipótese de o ver em Paris este ano, ficando apenas a questão de qual será o preço praticado (o Ampera mk1 era caro demais) e qual será a autonomia na vida real.


update 21-02-2017

[update - 8]Mazda - vídeos oficiais

|0 comentários
A Mazda do Reino Unido arrancou uma série de vídeos dedicados a tudo do universo Mazda (gama atual, clássicos, concepts e tudo pelo meio), tendo em conta que a maioria dos vídeos oficiais da marca vêm em japonês é sem dúvida algo bem vindo para os fãs. Ficam abaixo os episódios já publicados e irei atualizando conforme novos surgirem.


Episódio 1 - o MX-5


Episódio 2 - bastidores da apresentação do novo MX-5 RF e Mazda CX-5


Episódio 3 - bastidores da apresentação do novo MX-5 RF


Episódio 4 - recordar Mazda 2016 e novos anúncios


Episódio 5 - o "Mazda Drive Together" e o Mazda Cosmo Sport


Episódio 6 - o Cheddar Gorge no MX-5 e o concept RX-VISION


Episódio 7 - MX-5 RF em Barcelona e clássicos


Episódio 8 - apresentação do MX-5 RF e o Drive Together
"