BMW Série 5 e i5 Touring apresentadas

Tal como na apresentação da versão sedan, a BMW apresentou as versões carrinha do novo Série 5 e i5 - estes são os BMW Série 5 Touring e BMW i5 Touring. E creio que encontramos o melhor sleeper de sempre: o i5 M60 Touring com 593 cavalos! Notem a grelha diferente nas imagens para identificar o i5 do Série 5.

Exteriormente o design pouco muda com as linhas marcadas e superfícies lisas marcas, e sim, também pode ter a grelha dianteira iluminada. Atrás a linha ombros sobe a encontrar os farois traseiros e o tejadilho desce ligeiramente para a tampa da mala mais inclinada e plana.





O interior é o mesmo das versões sedan com o Curved Display a combinar o conjunto de instrumentos digital de 12,3 polegadas e o ecrã do sistema multimédia de 14,9 polegadas, mas recebe assentos desportivos e um novo volante. Mas numa carrinha queremos capacidade de mala e a Série 5 Touring é capaz de transportar 570 litros de bagagem ou até 1.700 litros se rebater os assentos traseiros. A abertura da mala é elétrica de série.



Debaixo do capot poderá ter motorizações a gasolina, diesel ou 100% elétrica. O BMW i5 eDrive40 Touring tem um motor elétrico no eixo traseiro de 250 kW/340 cavalos e 430 Nm de binário alimentado por uma bateria de 81.2 kWh que permite uma autonomia WLTP de 560 quilómetros. Se quiser "um pouco mais" pode ir para o i5 M60 xDrive Touring que com um motor elétrico em cada eixo debita um total de 601 cavalos e 820 Nm de binário sendo capaz de atingir os 100 km\h em apenas 3,9 segundos e seguir até aos limitados 230 km/h. A autonomia desta versão é de 506 quilometros. O sistema elétrico é compatível com carregamento AC de 11 e 22 kW, e DC até 205 kW.

A combustão poderá ir a diesel para o 520d com o 4 cilindros turbo hibrido ligeiro de 2.0 litros acoplado a uma caixa automática de 8 velocidades com 197 cavalos e 400 Nm de binário no eixo traseiro ou integral se preferir. A outra opção é o 540d xDrive com o V6 turbo hibrido ligeiro de 3 litros a debitar 300 cavalos. A gasolina temos o 530e que combina o 4 cilindros turbo de 2 litros acoplado a um motor elétrico para um total de 300 cavalos e uma autonomia elétrica de 96 quilómetros ou 88 se for para versão de tração integral xDrive.

Ainda correm rumores que é poderá surgir no futuro próximo uma M5 Touring...

0 comentários: