Novo Nissan Qashqai E-Power Hybrid detalhado

Há muito que espero a chegada da tecnologia hibrida e-Power da Nissan à Europa e apesar de confirmado só agora temos os detalhes técnicos antes da estreia no verão deste ano - Trata-se de um sistema hibrido em série em que a propulsão é 100% elétrica mas a energia é gerada por um motor de combustão a gasolina (no caso do novo Nissan Qashqai será um 3 cilindros turbo de compressão variável com 1.5 litros) que não está ligado à rodas - o que move esta versão é um motor elétrico de 190 cavalos e 330 Nm de binário. A eletricidade gerada pelo motor de combustão vai para a bateria que permite uma autonomia elétrica de 3 a 4 quilómetros e depois o motor a combustão entra em acção para recolocar a carga - a bateria funciona principalmente como um buffer.
Não é propriamente uma tecnologia nova, já está disponível no japão no Nissan Note mas só agora chega cá. Esta variante Nissan Qashqai e-Power ira complementar a versão hibrida ligeira atualmente disponível.

Cá o Nissan Qashqai e-Power combina um 3 cilindros turbo de 1.5 litros a gasolina com compressão variável que debita 158 cavalos que serve de gerador para o motor elétrico de 140 kW/190 cavalos com uma bateria e um inversor no meio. Basicamente tem o mesmo comportamento de um automóvel elétrico com o binário instantâneo e tudo, mas não tem que carregar apenas atestar o deposito para abastecer o gerador que carrega a pequena bateria (que também pode ser carregada pela travagem regenerativa).




O motor de combustão é mantido a uma compressão e rotação eficiente e funcionamento silencioso - segundo a Nissan a média de consumo WLTP combinada é de 5,3 l/100 km, mas em circulação urbana e suburbanas a Nissan diz que será ainda mais eficiente.

0 comentários: