Audi e-tron Sportback apresentado

Como seria de esperar, depois do Audi e-tron chega agora a versão "coupe" desportiva - sim, este é o primeiro SUV-coupé eléctrico. Embrulha BMW e Mercedes!
A grande diferença, relativamente ao e-tron, é a traseira menos vertical, mala mais pequena (em 45 litros) e com a altura ao colo reduzida em 1 centímetro - o resto das medidas mantêm-se (4,90 metros de comprimento por 1,94 metros de largura).

Estará disponível em 2 versões ambas com 2 motores e tração integral. A versão 50 quattro terá um total de 313 cavalos et 540 Nm, alimentados por uma bateria de 71 kWh (64,7 kWh úteis) que permite uma autonomia WLTP de 347 quilómetros. Já a versão 55 quattro debita 360 cavalos e 561 Nm de binário (com função overboost debitando 408 cavalos e 664 Nm durante 8 segundos) alimentados por uma bateria de 95 kWh (86,5 kWh úteis) permitindo uma autonomia WLTP de 466 quilómetros.



Porém este e-tron Sportback trás uma novidade mundial - por 4.000 euros poderá equipar o seu Audi com os novos faróis dianteiros Digital Matrix Lights (ou DML). Estes faróis são basicamente projectores digitais de cinema - adapta constantemente a projecção de luz para iluminar a estrada onde está e para onde vai, trabalha em conjunto com a visão nocturna para iluminar peões ou obstáculos identificados, adapta o feixe de luz para ter exactamente a largura do carro para quando tiver duvidas se consegue ou não passar naquelas vielas apertadas e até projectar algumas animações.

0 comentários: