[update]Novo Mazda MX-30 apresentado

Este é o primeiro modelo 100% eléctrico da marca japonesa - o Mazda MX-30, e antes que digam "que apenas mais um eléctrico" este trás vários pormenores muito interessantes.
Com 4,40 metros de comprimento (próximo do actual CX-30) logo à primeira vista dá para notar a o perfil "SUV-coupé" que os alemães tanto apreciam e a inspiração no RX-8 que todos apreciamos: as portas de abertura oposta, tejadilho baixo e as passagens das rodas bastante quadradas. Parece um concept...excepto que não é!
O design exterior segue as linhas elegantes já conhecidas da Mazda, a frente particularmente mas do pilar B para trás temos uma traseira fluída quase de coupé e para chamar bem à atenção as portas de abertura oposta sem pilar B do RX-8. 
As portas podem ser pequenas mas sem o pilar o acesso é fácil...se bem que o espaço para pernas atrás parece um pouco limitado.
No interior recebe um tablier especifico com a consola central flutuante elevada em linha com um ecrã táctil dedicado aos controlos da climatização.



Mecanicamente há bastante para falar. Primeira a plataforma - para manter os custos sobre controlo este MX-30 é baseado numa adaptação da plataforma usada pelo CX-30 mas optimizada para veículos eléctricos. A bateria de 35,5kWh (para efeitos de comparação o Peugeot e-2008 tem uma bateria de 50 kWh e o Hyundai Kauai tem uma de 64 kWh) está colocada no fundo do automóvel alimentando um motor eléctrico de 140 cavalos no eixo dianteiro (sim, nada de tração integral) permitindo uma autonomia de 200 quilómetros...que não é grande coisa atualmente.
E aí entra a versão híbrida em série que ainda está em desenvolvimento e só deve chegar em 2022 - esta versão terá um motor rotativo Wankel de rotor único (compacto e poucas vibrações) que servirá apenas para carregar a bateria.

Curiosamente não é uma ideia original, a Mazda está a colocar em prática uma ideia que a Audi já testou em 2010 com o Audi A1 e-Tron - apesar de testes com uma frota de protótipos a Audi acabou por desistir do conceito.




update 29-10-2019

0 comentários: