Ford F-150 Lightning apresentado

O automóvel mais vendido nos Estados Unidos nos últimos 44 anos recebe uma versão 100% elétrica - a Ford F-150 Lightning. Os mais "cromos" devem recordar que a Ford F-150 SVT Lightning original data de 2004 e era uma pickup com um grande V8 debaixo de capot e um kit de carroçaria que apenas iria atrair a sua irmã. Nesta nova geração temos uma motorização elétrica capaz de uma autonomia de 483 quilómetros e preços começam nos $39,974 dólares.
Exteriormente é basicamente igual à Ford F-150 sendo apenas diferenciado por uma faixa luminosa a unir os faróis dianteiros e traseiros, a grelha dianteira tapada e jantes específicas - nada de V8s, suspensões rebaixadas ou kits de carroçaria incestuosos e esta nova geração até tem tração integral! Todas as F-150 elétricas vão ser de 5 passageiros SuperCrew.


No interior as grandes diferenças para a versão elétrica são o mesmo ecrã central do Mustang Mach-E e um conjunto de instrumentos digital. É possível abrir as portas com o seu smartphone, tem um sistema de condução autónoma de nível 3 "BlueCruise" mas só funciona em algumas auto-estradas americanas e canadianas.


Mas o mais interessante neste modelo é que pode ter algo que os americanos chamam de "intelligent backup power" - provavelmente a única coisa na américa que se pode designar de "intelligent" e que permite alimentar ferramentas elétricas e até a sua casa a partir da bateria de tração durante 3 dias: o sistema de Pro Power Onboard este é capaz de debitar uns impressionantes 9,6 kW de corrente que com a wallbox Charge Station Pro é capaz de alimentar a sua casa, uma tomada de 240 volts e 4 de 120 volts na caixa de carga atrás e na mala dianteira 4 tomadas de 120 volts e 2 USB.
A segunda coisa mais interessante é a grande mala à frente de 400 litros que os americanos vão usar provavelmente para encher de gelo e cerveja fraca. Os grelhadores vão atrás na caixa de carga de 1500 litros.

Todos as Lightning vão ter tração integral com suspensão independente traseira, ambas novidades para a gama F-150, e terá 2 variantes, ambas com um motor em cada eixo - a versão SR (standard range) com uma autonomia EPA de 370 quilómetros que desenvolve 426 cavalos/318 kW e 1.051 Nm de binário sendo capaz de transportar 900 quilos de carga e rebocar 3,5 toneladas, a versão ER (extended-range) com uma autonomia EPA de 483 quilómetros que desenvolve 563 cavalos/420 kW e os mesmo 1.051 Nm de binário sendo capaz de transportar 816 quilos de carga e rebocar mais de 4,5 toneladas. Tudo somado e a F150 EV é capaz de atingir os 100 km\h em apenas 4,5 segundos.

Mas pode não ficar por aqui - a Ford disse que está a estudar outros esquemas de motorização incluindo com 3 e 4 motores elétricos.

Infelizmente a Ford não deu dados sobre a capacidade das baterias, apenas que são compatíveis com carregadores de 150kW e nestes é possível carregar dos 15 aos 80% em apenas 45 minutos. A bateria tem um sistema de refrigeração liquida para assegurar performance e durabilidade, estando protegida por um esqueleto externo metálico e uma grossa placa metálica por debaixo que também ajuda a melhorar a aerodinâmica.

Esta Ford F-150 Lightning será produzida numa fabrica completamente nova, a Ford Rouge Electric Vehicle Center, com a produção a arrancar a meio de 2022.


0 comentários: