Ferrari 812 GTS apresentado

Para o salão de Frankfurt a Ferrari trouxe 2 descapotáveis - um com um V12 debaixo do capot, outro com um V8. Com o 812 GTS a Ferrari permite apreciar a orquestra de 12 cilindros no seu ambiente natural. Sim, não é propriamente um descapotável mas um Targa mas o principio é o mesmo - cabelos ao ar ao som de uma Carmina Burana mecanizada...mesmo a tempo do fim do verão.

Curiosamente este é um modelo de série - por norma os Ferrari descapotáveis V12 eram sempre série limitada (Barchetta Pininfarina 550, 575 Superamerica, 599 SA Aperta e o F60 America) mas este 812 GTS é um modelo de catalogo tal como os V8 descapotáveis.
Recebe um tejadilho Targa como outros "GTS's" de outros tempos (328 GTS, 348 GTS e 355 GTS se bem que o único com motor V12 foi o 365 GTS 4 de 1969) que pode desaparecer em 14 segundos mesmo em movimente até aos 45 km/h.

Mecanicamente tirando o ganho de 75 quilogramas de peso não há novidades - o 812 GTS mantém o V12 de 6,5 litros atmosférico com 800 cavalos e 718 Nm de binário acoplado a uma caixa de dupla embraiagem de 7 velocidades que debita a potencia nas rodas traseiras que também ajudam na direção. Vai dos 0 aos 100 km/h em menos de 3 segundos e atinge os 200 km/h em 8,3 segundos.

0 comentários: