Opel recolhe automóveis por emissões

E quando pensávamos que o Dieselgate já tinha dado todas as surpresas que tinha para dar - eis que o ministério dos transportes alemães anunciou que a Opel vai recolher 100.000 automóveis com motores diesel por questões de emissões.
Segundo o ministro dos transportes a KBA terá encontrado 4 programas informáticos capazes de alterar as emissões em 2015 e um quinto em 2018 que foi considerado ilegal tendo ordenado à Opel que retire este software dos Cascada (2017), Insignia (2012) e Zafira (2014) diesel.

A Opel reafirma que os seus veiculo estão conforme os regulamentos aplicáveis mas irá cooperar com as autoridades - algo que o ministro dos transportes "discordou" afirmando que a Opel estava a "arrastar os pés". Esta segunda-feira os escritórios da marca em Ruesselsheim e Kaiserslautern foram revistados pela policia.

Mas não acabam aqui os problemas da Opel, a procuradoria de Frankfurt está a investigar 95.000 automóveis com motores diesel Euro 6d.

0 comentários:

"