[update video]Porsche Boxster e Cayman GTS apresentados

Se há algo que sempre me chateou é que para uma empresa que se diz guiada pela paixão e pela performance sempre fizeram a escolha comercial de nunca deixar o Boxter\Cayman chegar perto, em termos de performance, do 911 - para não perder clientes do 911 onde têm um lucro de 20.000 por cada carro que vendem.
 
Mas estes Boxster e Cayman GTS são até hoje os que mais chegam (ou são permitidos chegar) perto do eterno 911. A verdade é que a Porsche tem que equilibrar os puristas (que acreditam que a marca alemã só devia fazer o 911) e a nova geração que adquirem mais de 26.000 unidades por ano dos Boxster e Cayman.
 
Usaram como base os modelos S e deram ao motor de 6 cilindros boxer de 3,4 litros mais 15 cavalos (o Boxster GTS fica com 330 cavalos e o Cayman GTS fica com 340), ficando a 10 cavalos do 911 Carrera. O binário sobe 10 Nm - melhorando os tempos aos 100km\h (com caixa PDK) em 0,3 segundos relativamente aos modelos S e ficando a um décimo de segundo do 911 Carrera S (caixa manual).
 
Velocidade máxima passa de 281 para 285 km/h. Recebem jantes de 20 polegadas, kit de carroçaria mais agressivo (notem o difusor traseiro) e suspensão pilotada PASM de série, bem como novos para-choques inspirados no 918 Spyder, faróis fumados e interior com Alcantara.


update 28-03-2014

 


update 03-04-2014



update 14-04-2014

1 comentários:

  • diogo says:
    24 de março de 2014 às 01:09

    Viva Turbo-lento!
    Há muito tempo que não comento aqui no 4r1v. Parabéns e obrigado por o manteres vivo!

    Como seria previsível, comento este post sobre a Porsche :)
    Concordo inteiramente contigo sobre essa política da Porsche, também me irrita e muito! Referes a margem de lucro no 911, se dessem mais atenção aos pequenotes poderiam perfeitamente chegar aos mesmos ganhos. Penso que não haveria canibalização e iriam conquistar outros clientes, sempre há quem prefira desportivos mais compactos ou de motor central. Costumo dar o exemplo da Mercedes, que tem modelos de toda a gama com os brutais motores AMG V8, mais ou menos com as mesmas características, incluindo os SL/SLK que podemos comparar à tripla 911//Cayman/Boxster.

    Propriamente quanto a estes GTS, o estilo diferenciado está muito bom e certamente são ainda um pouco mais equilibrados, rápidos, etc. Mas no fundo servem mais para obter uns euros extra do que para dar aos Boxster/Cayman o que verdadeiramente merecem! Como escreves, a potência e o desempenho ficam, propositada e cuidadosamente, aquém do 911 Carrera com o mesmo motor 3.4!!!
    E lembro que a geração anterior (987) incluiu o Boxster Spyder e o Cayman R, mais puros e radicais. Os fãs aguardam os seus sucessores!

    Hoje, comparados com alguma concorrência e apesar de eu admirar bons motores atmosféricos, acho que lhes falta o impulso mais bruto da sobrealimentação. Parece que uma versão turbo está ao virar da esquina.
    A RUF explora o que os Boxster/Cayman podem dar. Houve os RK com motor 3.8 e compressor (440-460cv), há agora o 3800S atmosférico de 420cv. E o CTR3, embora baseado no 911, mostra o potencial de um Porsche com motor central e quase 800cv...

    Desculpem o testamento :)

"