[update video]Novo Mazda 3 apresentado

Uma das novidades que eu mais esperava: o novo Mazda 3 que acabou de ser apresentado nos EUA para o salão automóvel de Los Angeles, principalmente porque chega enfim à estrada os motores SkyActiv-X. É um lançamento muito importante para a marca japonesa que tem intenções de chatear a Volkswagen com a gama que se avizinha.



Definitivamente difícil de ignorar com aquela linha de cintura a levantar, o pilar C marcado, a grelha de grandes dimensões e os faróis traseiros circulares inspiradas/desenvolvidas das do MX-5.


É uma evolução da linguagem de design Kodo já anunciada pelos concepts RX-Vision de 2015 e o Vision Coupe de 2017. O Mazda 3 estará disponível em 2 formatos: hatchback e sedan, este ultimo parece um mini 6. 



Gostei do pormenor que o sedan tem o Hofmeister kink como nos BMW mas o hatchback tem no invertido.

No interior temos um novo tablier dominado com um grande ecrã de 8.8 polegadas (provavelmente na versão de topo) semelhante com o do concept Kai. Terá um novo sistema multimédia MZD Connect touch e com comando tipo iDrive, colunas Bose, cruise-control activo ligado ao lane assist permitindo um sistema quase autónomo em transito lento ou filas, vigilância de sonolência i-Activsense e outras.


Baseado na nova plataforma global Skyactiv-Vehicle Architecture tem 4.46 metros de comprimento (na classe apenas o Honda Civic é maior) sendo até um terço construída em aço de aço de grande resistência. A nivel de suspensões a Mazda fez uma escolha curiosa: à frente MacPherson como a concorrência mas atrás foi para um eixo de torção mais simples quando muita da concorrência vai para sistemas multi-link mais sofisticados - será capaz de acompanhar?

Debaixo do capot teremos a diesel o recente 1.8 litros Skyactiv-D de 115 cavalos do CX-3, e a gasolina os 4 cilindros SkyActiv-G de 1.5 e 2.0 litros. Mas a novidade é o novo motor a gasolina SkyActiv-X SPCCI de ignição por compressão, resumidamente um motor a gasolina que funciona como um diesel com melhores consumos e emissões mas binário e resposta adequada.

Mais adiante teremos ainda variantes hibridas ligeiras M Hybrid - este sistema recupera energia durante a travagem e desaceleração para carregar a bateria e alimentar dispositivos como o ar condicionado do veiculo reduzindo os consumos. Este permitira desligar e arrancar o motor mais depressa que antes.
Infelizmente a Mazda não deu mais pormenores técnicos - teremos que esperar até ao salão abrir provavelmente. Apresentado nos EUA deve chegar à Europa na Primavera de 2019.


update 04-12-2018

0 comentários:

"