DieselGate - ponto de situação 24-07-2018

Mais um apanhado das notícias ligadas ao dieselgate e há algumas novidades interessantes - ficam abaixo os principais desenvolvimentos como sempre sem tretas, conservantes ou adoçantes acrescentados.

União Europeia quer garantias sobre correções Volkswagen
A União Europeia criticaram o grupo Volkswagen por não assegurar que as correções efetuadas não afectam a performance dos automoveis. Segundo a UE a Volkswagen não dá clara e completa garantia que as atualizações não afeta a performance dos automóveis e que se recusa a simplificar as condições para aceder à Trust Building Measure - a garantia sobre a reparação dos motores EA189. Mesmo assim a União Europeia admite que quase 80% dos automóveis na Europa estão corrigidos e que até agora com "resultados positivos".


Alemanha quer decisão sobre reconversão motores diesel até fim de Setembro
A chanceler Angela Merkel disse que o governo não tinha ainda uma decisão sobre se os automóveis diesel devem ou não ser adaptados mecanicamente com catalisadores e outros equipamentos. Mas Merkel quer o assunto decidido até o fim de Setembro para tentar evitar proibição de circulação de automóveis diesel.


VW prepara-se para acumular stock
Continuam as dificuldades da Volkswagen em adaptar-se ao novo Worldwide Harmonized Light Vehicle Test Procedure (WLTP) - agora esta a alugar espaços de estacionamento para armazenar os automóveis que não pode vender porque ainda não passaram pelos novos testes de emissões logo não podem ser entregues. O "problema" é que WLTP tem uma componente de teste em estrada que resulta em emissões de CO2 mais elevadas - o que obriga a constantes reconfigurações o que atrasa o processo de certificação da estrada.

A Volkswagen admitiu que poderá vir a acumular ter 250.000 automóveis e planeia reduzir a produção de alguns modelos. Em Junho anunciaram que a fabrica de Wolfsburg seria encerrada 1 a 2 dias por semana entre Agosto e o fim de Setembro. A fábrica de Emden também será encerrada alguns dias mas será devido à pouca procura do Passat. A fabrica de Zwickau ira também ser encerrada em alguns dias podendo atrasar a entrega de componentes as restantes fabricas

0 comentários:

"