Rolls-Royce Cullinan apresentado

A febre dos SUV continua e temos um novo modelo, mas este é diferente - se no Senhor dos Anéis havia um anel para os dominar a todo, este Rolls-Royce Cullinan é o SUV para dominar todos os outros SUV. Sim, se o Bentayga W12 ou o Range Rover SV Autobiography LWB não chega para sí então este é o carro para si. 
Depois da Bentley e Lamborghini, e antes da Aston Martin e Ferrari se chegarem à frente, a Rolls-Royce apresentou o Cullinan (que é o nome do maior diamante jamais encontrado e que cortes deste diamante foram usados até nas jóias da Coroa britânica) - mas apesar de ser capaz de lidar com a lama (afinal o pessoal rico gosta das suas caçadas ou simplesmente explorar as suas propriedades) é tudo acerca do luxo.


E sim...é um pouco estranho e até difícil para olhar depois de nos habituar-nos ao Ghost. O Cullinan mantém a frente alta vertical com a grelha cromada dianteira e faróis finos. A traseira bastante plana que termina nuns escapes bastante protuberantes...


Com 5,34 metros de comprimento este Rolls-Royce Cullinan consegue ser maior que o rival Bentley Bentayga em 20 centímetros, e ao contrário do Bentley não deverá ter versão diesel e no lançamento apenas terá o V12 biturbo de 6.75 litros do Phantom com os mesmos 571 cavalos (mas com menos binário) acoplado a uma caixa automática de 8 velocidades.

O chassis é 100% alumínio mas mesmo assim o peso arranca nos 2.660 quilogramas - antes de carregar nas opções. Para ajudar o comportamento a suspensão activa e hidráulica, e a direção é de série nas 4 rodas. Como seria de esperar, e outra novidade na Rolls-Royce, é a estreia de tração integral no Culllinan para lidar com algo como água até 54 centímetros de altura onde poderá apreciar o piquenique nos 2 assentos e mesa disponíveis na mala do "Viewing Suite".

Mantém o esquema de portas de abertura oposta para facilitar o acesso ao interior. 
À frente temos um tablier alto extremamente trabalhado e luxuoso, as saídas de ar e botões cromados, incluindo o comando muito semelhante ao iDrive no centro da consola para o sistema multimédia que pode ser ocultado.

E como seria de esperar o conforto dos 4 ocupantes é a prioridade absoluta - se bem que, pela primeira vez num Rolls, poderá ter um banco traseiro de 3 lugares rebativel. 
Curiosamente a Rolls coloca este assento como opção porque, segundo a marca, os seus clientes gostam de ter o frigorífico entre os assentos traseiros para o champanhe. A suspensão pneumática activa graças a uma camara promete assegurar que não haja derrame de champanhe mesmo durante fora da estrada. Poderá ter uma divisória fixa entre a mala (555 a 600 litros) e o compartimento de passageiros para melhor isolamento.

0 comentários:

"