Condução autónoma, futuro ou talvez não?

Antes de começar queria avisar que há alguns anos não escrevo aqui um artigo e queria também agradecer ao turbulento por manter este blog de pé desde 2008. 
Ora então a discussão do momento, carros autónomos são o futuro ou não? São seguros? Há alguma vantagem realmente imprescindível para o condutor?
Esta semana vimos mais uma notícia na internet sobre um novo acidente incluindo um veículo da Tesla que colidiu com a traseira de um veículo dos bombeiros no estado de UTAH, Estados Unidos. Esta notícia caiu como uma bomba na internet depois da polícia desse estado comprovar que o Tesla estava com o Autopilot ligado. Como é obvio, isto acendeu mais uma vez o rastilho daqueles que são contra este tipo de condução e veículos autónomos. É claro que Elon Musk veio logo defender a sua Jóia da Coroa alegando que o acidente com um ferido ligeiro envolvendo um Tesla recebeu mais cobertura por parte dos Mídia do que os 40 000 falecimentos no ano passado envolvendo acidentes de viação nos Estados Unidos.

A minha opinião pessoal é de que ainda está para chegar uma nova tecnologia suficiente inovadora para ser considerada imprescindível ao condutor. É claro que um display multi-touch com GPS e bluetooth nos dias que correm é imprescindível certo? Errado, para mim a condução vai sempre resumir-se a 4 rodas, 1 volante e a capacidade de controlo do Ser Humano sobre a máquina. Se querem dormir durante uma viagem usem transportes públicos! 
Todos sabemos que para cada idéia revolucionária vai sempre haver um grupo de cépticos que são contra esse avanço tecnológico. O Copernicus era um doente mental para muitos e o Tesla era um bruxo que controlava uma magia poderosa capaz de matar! Mas não era esse o caso, essas pessoas eram visionárias do seu tempo e esperaram muito para receber o crédito que mereciam. Hoje em dia, os visionárias do nosso tempo, como foi o Steve Jobs ou é considero o Elon Musk, não teem visões revolucionárias, nem lutam ou lutaram por um planeta melhor ou para facilitar o dia a dia dos seus cidadãos. Eles seguem o interesse próprio ou corporativo e querem ser grandes, ricos e poderosos. Não tenho nada contra isso mas é cansativo ver todos os dias notícias sobre a Apple que vai lançar um smartphone revolucionário, mais um produto inovador de Elon Musk que quer vender lança-chamas, o Donald Trump que quer ser amigo íntimo do ditador da Coreia do Norte e que o Mark Zuckerberg foi ao senado explicar aos cawboys do Texas que o facebook faz dinheiro a vender anúncios!

Há inúmeras novas tecnologias que realmente podem salvar o nosso planeta e facilitar a vida das pessoas, mas claro são menos polémicas, dificéis de concretizar e não ferem nem matam ninguém. Enquanto esperamos por uma nova tecnologia que vai mudar para melhor a nossa Humanidade, os nossos recursos são usados para enviar foguetes para o Espaço e sondas para Marte. É irónico querer procurar água e oxigénio noutros Planetas, enquanto não conseguem encontrar água potável em África e ar respirável na China. 

0 comentários:

"