Mais uma vitima dos airbags da Takata

Uma jovem de 17 anos do Texas faleceu em Março ao volante do seu Honda Civic de 2002 quando este atingiu a baixa velocidade pela retaguarda um Honda CR-V. O acidente em si não foi sério mas quando o airbag foi ativado projetou estilhaços metálicos para o interior perfurando a carótida da condutora que faleceu devido à hemorragia.
A Honda diz que o proprietário teria recebido múltiplos avisos que a viatura estava incluída na recolha deste airbags mas as reparações nunca foram feitas. Se por inação do proprietário ou porque os avisos nunca chegaram ao destino é o que falta averiguar.

Com esta são 12 mortes confirmadas por airbags da Takata - 10 vitimas nos Estados Unidos (1 numa viatura Ford e 9 em viaturas Honda) e 1 vitima (grávida) na Malásia.

Dai que aproveito para relembrar - se comprou um automóvel usado ou importado vá registá-lo no site da marca ou numa oficina oficial para receber correio deste género para o seu automóvel.

0 comentários:

"