Dieselgate - ponto de situação 22-10

Sim, está na altura para fazer mais um ponto de situação das ultimas do Dieselgate e há um pouco para tudo e para todos, incluindo franceses - menos as tretas.

Volkswagen investiga outros motores
Até agora o único motor "afectado" pelo DieselGate é o 4 cilindros diesel EA 189, mas a Volkswagen anunciou que está a investigar se anteriores versões do motor diesel EA 288 também tinham software que manipule as emissões. Segundo a Volkswagen a versão actual do EA 288 não tem esse software. Que versões anteriores podem estar afectadas a VW não diz - este motor foi apresentado em 2012 como um motor Euro5 e uma versão Euro6 desse motor ainda é hoje produzido.

3 milhões de automóveis vão precisar alterações mecânicas
Enquanto se espera ver se o EA288 se junta à lista, a volkswagen confirmou que 3 milhões dos 8.5 milhões de automóveis que terá de corrigir vão precisar de alterações mecânicas - neste caso os 1.6 litros. Os restantes apenas vão precisar de alterações do software. É uma informação que alguns responsáveis da VW já tinham deixado escapar na semana passada, agora é oficial. Segundo a VW os automóveis vão começar a ser notificados apartir de Janeiro 2016 e as reparações devem prolongar-se até ao fim de 2016 ou inícios de 2017.

Vendas de diesel afectados suspensa
Alguns importadores de vários países tinham suspenso ou foram ordenados suspender a venda de automóveis do grupo VW afectados pelo dieselgate - agora é a própria VW que suspende as vendas em toda a Europa de modelos equipados com o motor EA 189 Euro 5 que ainda não tenham sido vendidos. Estes terão que ser modificados para serem vendidos.

Franceses macaquinhos de imitação
A policia alemã revistou os escritórios da VW logo na 1ª semana do dieselgate, seguidos pelos italianos na semana passada - claro que os franceses tinham que fazer o mesmo. E foram visitar os escritórios da VW em Villers-Cotterets de onde levaram vários documentos. Mas não são os únicos - os espanhóis também querem dar um ar da sua graça e o procurador publico pondera arrancar com a sua própria investigação.

Winterkorn quase fora de cena
Da ultima vez que falamos de Winterkorn referi que apesar de se ter demitido de CEO do grupo VW ele ainda ocupava 4 outras posições diferentes: Winterkorn ainda é o CEO da Porsche SE (empresa que detém grande parte das acções da VW), é o chairman da Audi, da Scania e do recentemente criado grupo de camiões e autocarros. Mas esta semana deixou a posição de CEO na Porsche SE sendo substituído por Hans Dieter Poetsch.

Vendas do grupo VW caem 1.5%
As vendas do grupo VW caíram 1.5% em Setembro, uma queda menor que a de Agosto que foi de 5.4%. Mas não foi propriamente culpa do dieselgate mas sim do Brasil e Rússia: em setembro as vendas na Europa subiram 4% e 7% nos EUA mas caíram 44% no Brasil e 26% na Rússia. Na China, maior mercado do grupo, as vendas caíram quase 1%. Por marcas a Audi cresceu 7% e a Porsche 29%. Já a VW caiu 4%, a Seat 9% e a Skoda 2%.

0 comentários:

"