Americanos e as octanas

Algo que nunca percebi é porque é que os americanos continuam a usar gasolina Normal quando na Europa já usamos algo mais "refinado" há muitos anos.

Antes de mais creio que é importante o que são as "octanas" que vemos afixadas nas bombas de gasolina - é uma medida da capacidade do combustível de resistir à "detonação" a altas taxas de compressão. Estes motores são mais eficientes (exemplo os Skyactiv da Mazda) mas se a gasolina for de baixo nível de octanas a gasolina vai explodir prematuramente quando o pistão ainda não atingiu o curso máximo o que poderá danificar o motor. Na Europa temos a gasolina Super que tem 95 octanas e as Especiais de 98 octanas, mas nos EUA a maioria do pessoal ainda carbura, tirando automóveis de maiores performance, a gasolina de 87 octanas. 

Mas aparentemente, parece que os construtores automóveis americanos esgotaram as formas acessíveis de melhorar os consumos e apertados pelas regras de emissões enfim estão considerar subir o nível de octanas na gasolina de 87 para 95 e, segundo o SAE, melhorar os consumos em 3 a 6% e reduzir as emissões de CO2 em 2%. E porque é que só agora estão a ponderar em algo que a Europa já fez à décadas? É que ninguém queria ser o "mau da fita" que aumentou o preço da gasolina em 37 cêntimos de dolar.

0 comentários:

"