Marchionne promete novo plano para a Alfa Romeo

Sim, soa um pouco a deja vu mas o CEO da Fiat anunciou que vai apresentar no inicio de 2014 um plano de 5 anos para a Alfa Romeo. Sim, já houveram vários destes.
 
Não só a Alfa Romeo, mas a Fiat e Chrysler também - e os EUA continuam a ser a pedra basilar para atingir o volume procurado. Infelizmente mesmo já tendo iniciado o processo com o novo 4C aparentemente só chega aos EUA daqui a 1 ano porque é necessário adaptar o modelo e ainda não há uma decisão quem o vai vender: stands da Maserati ou stands da Chrysler\Fiat.
 
Mas algo tem que começar a sair do reino do planeamento para a realidade porque na semana passada a Fiat teve que anunciar que a previsão de lucros para 2013 vai ser 13% mais baixa que o previsto por causa da crise na Europa e queda de vendas no Brasil. E acionistas não gostam de perder.
 
Portanto o que é que há de real, concreto sobre este futuro atualmente? Creio que o único facto concreto é a nova plataforma modular de tração integral e traseira que está a ser desenvolvida em Itália (não só para a Alfa mas para a Chrysler também para os futuros 300 e Charger) para que logo à partida todos os novos Alfa possam ser vendidos nos EUA.
 
Que modelos? Se se manter o plano anterior, estamos a falar do Giulia (substituindo o 159), um substituto do 166 e um novo SUV. Isto adicionado aos atuais Mito e Giulleta.

0 comentários:

"